Cartaz de cinema exige planejamento

Cartaz do filme desilusão fixado ao lado de outros
Tamanho é importante para ter destaque. Parede com cartazes durante o FAM 2008

Assim como Roberto Carlos sempre aparece na capa de seus discos, pôsteres de filmes comerciais frequentemente mostram uma cena ou fotografia, principalmente quando há gente famosa no elenco.

Em produções menores, há mais liberdade (como nos cartazes poloneses). Nos trabalhos para os filmes Desilusão e Memórias de Passagem, eu hoje teria escolhido ideias mais conceituais em vez de reproduzir cenas. Mas como são pinturas, foi possível ir além do que se vê na tela. Gosto, por exemplo, de como a figura menor no cartaz de Desilusão parece ter asas e dos ângulos no rosto do personagem de Memórias de Passagem.

Não faça isso em casa: tinta de impressora é muito cara. Imprima num birô e monte depois para avaliar o layout

Tecnicamente, um cartaz de filme não é diferente de uma capa de livro ou de disco, mas há pontos específicos:

  • Se for imprimir, recomendo no mínimo o tamanho A2 (42 x 59,4 cm). Menor que isso vai ter pouco destaque na parede. O tamanho padrão é próximo de 70 x 100 cm (ou folha inteira).
  • Antes de arte-finalizar, contate a gráfica e confirme se ela pode imprimir na dimensão que você quer. Pode ser preciso fazer algum ajuste.
  • Não tem problema se a imagem principal não chegar aos 300 dpi necessários à impressão. Como o cartaz vai ser visto a pelo menos meio metro de distância, 150 dpi são mais que suficiente (na próxima vez que for ao cinema, observe a definição das cenas que figuram nos cartazes).
  • Lembre que o cartaz vai circular na internet em dimensões bem mais modestas que o impresso. Isso impacta diretamente na legibilidade daqueles créditos que aparecem no rodapé, geralmente escritos em letras finas e condensadas (Univers 39 Thin Ultra Condensed é o tipo mais comum). Considere fazer duas versões.
  • Se for o caso, reserve espaço para patrocinadores e apoiadores. Confirme com os realizadores a lista completa de empresas e quais logotipos usar. Peça que enviem a prévia para as empresas aprovarem.
  • Inclua o ano de lançamento junto com os créditos. O pôster também é um documento e, em produções pequenas ou independentes, pode ser a única fonte de informação.