Eu desenho, eles derrubam

Os dois prédios com suas escadas circulares na entrada deram lugar a um estacionamento. Nanquim e aquarela em papel A4

Véspera das eleições de outubro de 2018. Eu estou sentado em frente de dois pequenos prédios residenciais na rua Martinho Calado, no centro de Florianópolis, na altura do número 100. Apoio um caderno no colo e seguro o pote de nanquim com a mão esquerda enquanto desenho as construções usando uma pena de bambu. Além… Continuar lendo Eu desenho, eles derrubam